Realizando um sonho!

Direi do Senhor: Ele é meu Deus, meu refúgio e minha fortaleza, e nEle confiarei. Meu amor... Nunca trocamos um olhar... mas posso sentir o seu coração! Nunca senti o toque delicado da sua pele... Mas sinto a sutileza de sua vida a cada minuto! Nunca ouvi o doce da sua voz... mas para nós palavras não são necessárias! Nunca me beijaste... Mas sinto entre nós uma ligação eterna e tão profunda que é inutil tentar descrevê-la! Sonho com o dia que irei segura-lo em meus braços, te dar todo o meu carinho e finalmente conhecer o seu sorriso...

terça-feira, 17 de novembro de 2009

Como Um Imã

"E a paz de Cristo, para a qual também fostes chamados em um corpo, domine em vossos corações; e sede agradecidos" - (Colossenses 3:15).



Como Um Imã



"Se alguém me desse uma vasilha com areia e me dissesse que ali dentro haviam partículas de ferro misturadas, eu poderia procurar por elas com meus dedos desajeitados e seria incapaz de descobri-las. Porém, se eu pegasse um imã e o movesse sobre a areia, atrairia para ele as partículas mais invisíveis. O coração ingrato, como meus dedos na areia, é incapaz de encontrar misericórdia, mas o coração agradecido, em todos os momentos do dia, como o imã acha o ferro, encontrará todas as bênçãos que Deus tem colocado à disposição daqueles que O buscam." (Henry Ward Beecher)



Como tem estado o nosso coração diante de Deus? Insensível, indiferente, ingrato? Temos passado nossos dias lamentando as lutas e os problemas, murmurando como se Deus não se importasse conosco?

Muitas vezes conservamos os olhos da fé fechados e somos incapazes de perceber o quanto Deus nos ama e trabalha a nosso favor. Só conseguimos enxergar as dificuldades que enfrentamos e não reparamos que são pequeníssimas diante da imensa graça que o Senhor tem derramado sobre nossas vidas.
A ingratidão nos domina e não achamos sequer um momento para louvar e adorar ao Senhor que tantas maravilhas tem operado em todos os nossos dias.

A alegria verdadeira e a felicidade caminham ao lado de um coração agradecido ao Senhor. Este, como um imã espiritual, nos proporciona momentos de grande regozijo porque nos faz ver o quanto somos abençoados pelo Senhor. O amor se aproxima, o bom-humor não desgruda mais de nós, o desejo de estender a mão aos necessitados e de levar a palavra de salvação também são atraídos. Cheios das coisas de Deus, não  encontramos tempo para queixas e murmurações.

Se você ainda possui um coração ingrato, peça ao Senhor que o substitua. Ele só consegue ver a areia da vasilha. Com um novo coração, cheio de gratidão, você conseguirá ver as muitas bênçãos que antes não percebia.


Por Paulo Roberto Barbosa
http://intervox.nce.ufrj.br/~tprobert




Um comentário:

TREINANTE - QUERO SER MÃE!! disse...

Querida, tem um selinhon especial pra vc lá no meu blog!

beijos